Ambiente

alqueva3.jpg

O planeamento do território deve ser um processo integrado, onde o ambiente é uma componente de análise e atuação. Tal obriga a definir opções estratégicas, mediante os diferentes contextos territoriais, em que, a par do paisagismo, é possível desenvolver instrumentos de gestão territorial mais resilientes e contemporâneos a um momento de alterações climáticas. 

Nos anos mais recentes, têm sido solicitados ao GIPP diversos trabalhos que se destacam pelo seu carácter inovador, nomeadamente os masterplans, os planos de Estrutura, instrumentos estratégicos e orientadores de apoio à decisão sem carácter regulamentar. 

Veja todos os serviços:

pdm-famalicão.jpg

Ordenamento do território

sonae.tif

Urbanismo